Justiça anula concurso da UFPI por suposta falha na avaliação da banca

Universidade Federal do Piauí aguarda notificação de decisão judicial (Foto: Fernando Brito/G1)

Juíza aceitou pedido de candidata por questionar notas iguais em avaliação. Instituição aguarda notificação para se pronunciar sobre decisão judicial.

A Justiça Federal no Piauí, em decisão dada pela juíza Maria da Penha Fontenele, decidiu suspender o resultado do concurso para professor da Universidade Federal do Piauí (UFPI). A alegação é que a banca examinadora não teria agido de forma objetiva na avaliação.

Segundo a candidata e autora da ação, a sua eliminação na prova didática se deu por falta de objetividade dos componentes da banca, composta por quatro examinadores. Já a UFPI declarou improcedência das alegações do autor.

Para a magistrada, o fato de que os quatro examinadores atribuíram notas idênticas demonstra ausência de uma análise individual do candidato por cada avaliador. Em seu texto decisório, a juíza federal Maria da Penha Fontenele entende que “a finalidade da avaliação coletiva é justamente possibilitar que se busque a média da diversidade de entendimento de mais de um examinador, a fim de impedir que o pensamento de um só venha a prevalecer”.

Assim, a juíza resolveu suspender o resultado do concurso e tornar sem efeito a avaliação das provas didáticas do certame. Além disso, determinou a reavaliação dessas provas, que deve ser realizada individualmente pelos examinadores do concurso, de forma que um não saiba a pontuação atribuída pelo outro.

A presidente da Comissão Organizadora do concurso, professora Maria D'Alva, preferiu não se manifestar sobre o caso. "A comissão ainda não foi notificada da decisão e só iremos nos posicionar após recebermos a notificação", afirmou.

Fonte: G1
Justiça anula concurso da UFPI por suposta falha na avaliação da banca Justiça anula concurso da UFPI por suposta falha na avaliação da banca Reviewed by Redação on 15:32 Rating: 5

Nenhum comentário:

Imagens de tema por Jason Morrow. Tecnologia do Blogger.