Professor apela à polícia para sua segurança e denuncia Estado Islâmico no Piauí

Ele se diz perseguido até por um policial militar

Autodenominado ‘Mauricio’, e se dizendo professor e ‘diretor de teatro’, um rapaz escreveu à redação do Portal AZ informando que apelou às autoridades policiais proteção para sua segurança por se encontrar sofrendo ameaças de grupos, entre os quais, o que estaria instalando um ‘califado do Estado Islâmico’ no Piauí. No relato, ele diz que vem sofrendo as perseguições desde quando participou de manifestações na cidade para baixar as tarifas dos ônibus.


Foto ilustrativa (reprodução: internet)

Mauricio informa que já sofreu todo tipo de represália, tanto que, no ano passado “tive que me mudar da casa”. Na ocasião, ele administrava um trabalho de arte educação que se chama ‘Composição de Jovens Contemporâneos’, onde atuava com redução de danos com jovens em situação de risco.

“Por conta disso - acrescenta - a vizinhança, boa parte dela parentes de militares com suas famílias protestantes, "chiaram" na mesma hora, fizeram um complô pra me tirarem da casa, que estava sendo um espaço de ações políticas culturais e de saúde".

Ele denuncia também que pessoas que não sabe quem seriam, instalaram programas de monitoramento no seu computador de trabalho e no tablet. “Sabiam os horários em que eu estava em casa (...) pois tinha uma câmera voltada para a porta da minha casa. Isso tudo movimentado por igrejas protestantes e instituições militares”.

Ele denuncia que entre os integrantes dos chamados grupos fundamentalistas existiria um policial militar que reage com truculência às ações com as quais não concorda.

“Invadiram contas de e-mail´s meus, pegaram provas dos trabalhos que havia feito, fizeram a maior confusão nas minhas redes sociais, quiseram me acusar de roubo, pedofilia além de homossexualidade, que essas pessoas chamam de homossexualismo. Ainda me fizeram sair das aulas que eu estava dando, pois mandavam recados pelos alunos, me ameaçando de agressão física e até me ameaçaram de facada. Qual a melhor medida para se tomar a partir disso?”.

Fonte: Portal AZ
Professor apela à polícia para sua segurança e denuncia Estado Islâmico no Piauí  Professor apela à polícia para sua segurança e denuncia Estado Islâmico no Piauí Reviewed by Redação on 17:05 Rating: 5

Nenhum comentário:

Imagens de tema por Jason Morrow. Tecnologia do Blogger.